1 de fevereiro de 2017

{ Leia mais contos } O direito de não amar - Lygia Fagundes Telles



















O direito de não amar é um dos contos presentes na coletânea do Livro Conspiração de Nuvens, que é composto por 19 contos e/ou crônicas todos da mesma autora. 


O conto/crônica, pois há mistura do fictício com o cotidiano, apresenta apenas 4 páginas das quais a autora apresenta para o leitor o quão torturante é quando em uma relação amorosa um dos parceiros não condiz com os comportamentos comuns de pessoas que realmente se amam. Em outras palavras quando se gosta de alguém que na verdade gosta de outro alguém. 


Neste pequeno texto a autora mostra o quanto é difícil para o apaixonado compreender que todos possuem o direito de não amar aquele que o ama da mesma forma. Infelizmente não há uma cronologia datada, digamos assim, presente na narrativa, mas é possível deduzir que tais absurdos amorosos ocorriam na época em que o homem comprava o amor da mulher com presentes, dinheiro, e artigos de luxo. Porém, mesmo quando casamentos arranjados eram costumeiros, haviam ainda aqueles que por fora do casamento se aventuravam e se entregavam a seus amores verdadeiros. 

Tinham ainda os que juravam morte a suas amadas e seus amantes, pois queriam tê-la somente para si, mesmo sabendo que o amor da dama era de outro. 

Para autora isso não passa de uma grande asneira, no conto ela deixa claro que ninguém se mata ou morre por deixar o outro fazer sua própria escolha de felicidade. Fica claro também que a posição dela é de que todos devem parar de querer impor algo ao outro, inclusive amor. Afinal, todos possuem o mesmo direito de amar e o de não amar. Cada um que faça sua escolha e o outro, o não amado, que torça pela felicidade de seu amor não correspondido. 

Fascinante como em poucas páginas a autora abriu um leque tão grande de questões que podem ser discutidas, sejam elas passadas ou atuais. Amei, de verdade !



ISBN-13: 9788532522535
ISBN-10: 853252253X
Ano: 2007 
Páginas: 134
Idioma: português 
Editora: Rocco





- Mandem ideias de post e assuntos que querem saber aqui no blog, eu leio tudo com muito carinho e com certeza se a ideia estiver ao meu alcance , virará post. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário