8 de dezembro de 2014

[ Resenha #88] Sem Limites - Lya Gallavote


Titulo: Sem Limites
Autora: Lya Gavallote
Editora: Amazon.com
Páginas: 423
Ano: 2013
Avaliação: 4/5
Sinopse:
Este romance conta a história de Lucas Carvalho, um jovem simples que aos 15 anos, consegue uma Bolsa de estudos em um Colégio importante de São Paulo. Seu objetivo é aproveitar o ensino médio e se preparar para o vestibular em uma Universidade Pública. Sua maior intenção é mudar a situação de sua família. A mãe é faxineira em um laboratório e o pai é garçom e dependente químico. Sua mãe acredita que Lucas, após se graduar, conseguirá um bom emprego e ajudará seu pai em sua reabilitação. Porém, em seu primeiro dia de aula, não tinha ideia do que lhe aguardava, exceto pelo tapa na cara que recebeu. Marcelo, o agressor, é ambicioso, arrogante e prepotente. Ele só quer que Lucas desista do colégio e saia de seu caminho. As agressões vão aumentando de proporção, conforme Lucas persiste em se aproxima de Renata, a garota mais incrível que conheceu na vida. É justamente no aniversário dela, que Marcelo tem a chance de mostrar a que ponto é capaz de atingir Lucas, porém acaba indo além dos limites. Diferente de um final trágico sobre bullying, essa história atinge outra expectativa. Uma comovente história que aborda um tema povoado nas escolas em geral, mas que muitas vezes fica camuflado e obscuro. Com um texto sincero e a capacidade de emocionar, Sem Limites mostra acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para continuar com seus planos quando tudo parece perdido. 

----------------------------------------------- <3 -----------------------------------------------

Olá pessoal, eu finalmente estou de volta e com muitas resenhas para serem postadas. Vou iniciar dezembro com a resenha do livro Sem Limites, que eu li graças ao book tour organizado pela autora e pela Ana no blog Livros de Elite. Confesso que quando quis participar do book tour eu não li a sinopse do livro Sem Limites, eu li apenas a do outro livro que também é da Lya e faz parte do BT, logo revelo o nome para vocês, farei um post especial sobre os livros da autora. Por enquanto vou deixar vocês curiosos. 
Mas como estava dizendo por não ter lido a sinopse, assim que comecei a leitura, ela me arrebatou de uma forma muito grande e de certo modo um pouco devastadora. Eu imagina um livro bem leve e Sem Limites é totalmente ao contrario, contudo me proporcionou pensar um pouco sobre a vida e me derrubou da minha imaginação de romance clichê e leve. 

Sem Limites é sem dúvidas um livro que te toca do inicio ao fim. 


Eu sempre começo uma resenha contando um pouco sobre a estória do livro, mas dessa vez quero fazer diferente. Pois acho que está parte que vou descrever para vocês é de suma importância para o impacto que a obra causa. O primeiro ponto que quero abordar é o tema Bullying, pode ser algo que todos estão cansados de ouvir e saber, mas nestas 423 páginas a autora trata do assunto com tamanha delicadeza e maestria que em alguns momentos você fica se perguntando se o agressor é uma pessoa ruim ou uma pessoa que necessita de atenção e se o agredido é alguém que parece tão vulnerável  a ponto de não reagir as agressões. Em determinados pontos da estória você é capaz de sentir amor e ódio ao mesmo tempo. O melhor disso tudo é que a autora soube colocar cada coisa em seu lugar e cada pedaço da estória teve seu ápice o que é muito bom, já que há a família com problemas, os amigos verdadeiros, as agressões e perseguições e também um clima de paixão. Tudo isso, interligado de forma simples e completa.  

Sem Limites vai contar um pouco sobre o novo ano de Lucas na escola, além de vir de uma família pobre ele acaba de passar para um colégio de ricos o que para sua mãe é ótimo pois é a oportunidade que a família precisa para se reerguer. Desde que o tio de Lucas morreu que seu pai se jogou no mundo das drogas e a vida deles passou a ser um verdadeiro tormento. Lucas no entanto, achava que com as oportunidades que viriam através da nova escola poderia mudar o quadro critico em que sua família se encontrava. O que ele não espera era conhecer duas pessoas Marcelo e Renata

Marcelo é um menino completamente fora do controle, bonito, metido e rico. Mas isso tudo deu a ele o poder que muitos querem na escola. Líder de um grupo de meninos mal encarados, Marcelo é mentor de muitas armações contra alunos novos ou mesmo indefesos e Lucas passará a ser o seu maior item de desejo. Sim, isso mesmo que você leu, porque desde o primeiro momento em que se encontram Marcelo já sabe que transforá a vida de Lucas em um inferno. 

Renata é uma menina completamente maravilhosa e que fará Lucas perceber que ele precisa ser firme e enfrentar Marcelo, por muitas vezes quem faz isso é ela mesma. Renata se transforá em um dos únicos motivos pelo qual Lucas deseja permanecer na escola, mas também será um de seus problemas. 


Sem Limites é para mim um livro que não só aborda temas fortes e polêmicos como também abre espaço para mostrar que todos somos capazes de superar nossos limites e seguir até conseguir nossos objetivos. Como professora ( tô me sentindo já kkkk),acho que o livro tem todo o potencial necessário para fazer parte do currículo minimo das escolas tanto publicas quanto particulares, tendo em vista que ele abrange todos os limites tanto dentro quando fora da escola. 

É um livro que mesmo com uma quantidade boa de páginas, faz com que você se apegue a vários personagens de maneiras diferentes e tem uma leitura muito fluída além de ser bem leve. Infelizmente eu li ele com uns espaços grandes de tempo e com pouca atenção por conta da faculdade. Tive momentos em que me perdi e por isso dei 4 estrelas, mas gostaria de salientar que as 4 estrelas provavelmente foram por minha culpa e não da obra que para mim foi 5. Com certeza é um livro que quero ter na minha estante e já está presente na minha lista de compras. 

Penso que todo professor deveria ler e abrir mais a mente para o que acontece dentro e fora da escola com os alunos. Sinto que muitas vezes nos limitamos a passar o conteúdo e pronto, não observamos o porque um aluno bom talvez mate aula ou sempre esteja distante do convívio com a classe.  Enfim, leitura super recomendada e se segurem porque o final é de matar. 

Espero que tenham gostado e que eu não tenha perdido a prática.
Mil beijos da Lêeh 


2 comentários:

  1. Oi Leticia
    Estou ainda mais curiosa pra ler!
    Bjks mil

    www.blogdaclauo.com

    ResponderExcluir
  2. Ai, que tudo!!! Só vi agora, flor!! Me desculpe. Amei a resenha!! Obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir